Offline
Homem de 38 Anos Detido Após Manter Filhas em Cárcere Privado em Pirapora
27/05/2024 07:06 em Norte de Minas

Um homem de 38 anos foi detido após manter suas filhas, de 5 e 8 anos, em cárcere privado no Bairro Nossa Senhora do Rosário. O incidente, que começou no sábado (25) com um chamado à polícia, teve desfecho na noite de domingo (26).

Segundo o relatório policial, por volta das 16h de sábado, a Polícia Militar foi alertada pela irmã do suspeito. Ela relatou que ele estava agressivo e ameaçava matar sua mãe e as filhas caso sua esposa não retornasse para casa. Além disso, o homem ameaçava tirar a própria vida.

A irmã do suspeito recebeu um pedido de socorro da mãe, que havia sido ameaçada pelo filho. Ao chegarem ao local, os policiais encontraram o homem segurando a filha de 5 anos, enquanto a outra, de 8 anos, permanecia ao seu lado.

Os agentes tentaram acalmar o homem e negociar a liberação das crianças, mas ele não cooperou. Em vez disso, entrou na residência com as filhas e, em alguns momentos, instruiu-as a gritar para afirmar que estavam bem. O suspeito alegava a presença de atiradores ao redor, conforme o boletim de ocorrência.

Diante da gravidade da situação, o perímetro foi isolado. Além da Polícia Militar, equipes do BOPE (Batalhão de Operações Policiais Especiais) de Belo Horizonte, bombeiros e o SAMU foram mobilizados.

Parentes do homem compareceram ao local e ajudaram nas negociações. Por volta das 23h30, ele saiu da residência com as filhas e foi levado para a rua. A esposa do suspeito, de 36 anos, relatou que vive com ele há 19 anos e que vem sofrendo agressões desde 2010, incluindo socos, empurrões, estrangulamentos e insultos. No dia anterior ao incidente, após recusar relações sexuais, ele a agrediu, puxando seus cabelos e a jogando ao chão, antes de expulsá-la de casa.

A mulher apresentava escoriações no braço e no joelho. Ela também afirmou ter recebido uma ligação urgente para retornar para casa, sob ameaça de que o marido mataria as crianças caso não o fizesse.

Após horas de negociação, o homem foi detido e encaminhado à delegacia, onde permanecerá à disposição da Justiça. As autoridades continuam investigando o caso para assegurar que a justiça seja feita e garantir a segurança da família.

Fonte: Polícia Militar de Minas Gerais.

COMENTÁRIOS